Dragon Warrior Monsters (GBC)

Dragon Warrior Monsters (GBC)
Dragon Warrior Monsters (GBC)

Dragão Guerreiro Monstros GBC

Gênero: RPG (RPG)
Perspectiva: 3ª pessoa, de cima para baixo
Arte: Anime/mangá
Publicado por: Eidos Interactive
Desenvolvido por: Tose Co.
Lançado: 2000
Plataforma: Game Boy Color (GBC)

 

O jogador controla um personagem chamado Terry, que se dedica a domesticar e treinar monstros selvagens usados ​​em batalhas. Os monstros, como em outros RPGs, ganham pontos de experiência após cada batalha e crescem de níveis, devido aos quais suas características pessoais, como poder de ataque, defesa, agilidade e inteligência, aumentam. Além disso, como resultado do aumento de níveis, os monstros recebem novos feitiços mágicos, cada um pode possuir oito variedades e, se o limite for excedido, é possível esquecer a antiga magia em favor da nova. Monstros diferentes têm tetos de desenvolvimento diferentes, eles só crescem até um certo nível. Novos monstros são adicionados ao esquadrão por domesticação, quando, durante uma batalha com indivíduos selvagens, o personagem joga carne neles, ou por acasalamento de dois indivíduos existentes. Após o acasalamento, ambos os pais deixam o esquadrão, deixando para trás um ovo – então uma criatura completamente diferente surge dele, mas com algumas características dos pais. Por exemplo, se o pai monstro tinha alta resistência a ataques de fogo, então o filho monstro pode herdar essa característica, além disso, no decorrer do desenvolvimento, ele às vezes se lembra de alguns feitiços que seus pais possuíam.
O jogo não possui um mapa-múndi familiar aos RPGs, e a navegação entre os locais é realizada por meio de portais mágicos que transferem instantaneamente o herói para uma área ou outra. A maioria dos portais está localizada nos porões do castelo real e é necessário passar, no entanto, em outras partes do reino, você pode encontrar portais opcionais adicionais que se abrem após o cumprimento de certas condições. Por exemplo, uma garota na biblioteca permite que você vá para um dos portais se mais de cem monstros diferentes visitarem o esquadrão do protagonista. Cada local consiste em vários territórios gerados aleatoriamente, o personagem viaja por eles, luta contra monstros selvagens e treinadores no caminho, coleta objetos espalhados, verifica baús de tesouro. Tendo encontrado um portal em um território, ele chega ao próximo,
Para que o rei abra as outras salas de seu porão com portais para o herói, Terry deve participar regularmente de torneios na arena local. Tendo pago a taxa de entrada, o personagem enfrenta consistentemente três oponentes, e nessas batalhas, ao contrário das comuns, é impossível usar itens de estoque – os monstros são deixados sozinhos. Depois de passar por todos os portais da história, o herói ganha acesso ao último torneio da arena, e vencê-lo é o principal objetivo do jogo. O jogo não termina após os créditos finais, se desejar, o personagem pode ser devolvido ao mundo mágico para passar por portais perdidos anteriormente e alguns novos que só se abrem após a superação do enredo principal.

Trama

Em termos de enredo, o jogo pode ser considerado uma prequela de Dragon Quest VI, já que os personagens principais aqui são os personagens de lá – irmão e irmã Terry e Millie, a história se desenrola durante a infância deles. Uma noite, um monstro do mal aparece de repente em seu quarto e sequestra Millie, mas logo outro monstro, um tipo gentil, entra na sala e convida Terry para ir em busca de sua irmã no reino mágico da Grande Árvore. Encontrando-se em uma nova realidade, o menino conhece o rei local, que o aconselha a se tornar um treinador de monstros para participar do lendário campeonato – o vencedor deste torneio tem o direito de realizar qualquer desejo. Terry concorda e, tendo recebido o lodo mais simples como o primeiro monstro, parte em uma longa jornada para encontrar novos monstros e transformá-los em um esquadrão pronto para o combate.
Superando muitos obstáculos, o protagonista se torna um famoso mestre dos monstros e ganha o direito de participar do lendário campeonato. Derrotando todos os seus oponentes, na final Terry inesperadamente encontra sua própria irmã, que, como se viu, acabou em um reino vizinho e se tornou exatamente o mesmo treinador de monstros. Tendo derrotado os monstros de Millie, o herói faz um desejo – voltar para casa com sua irmã. As crianças acordam em seu quarto, mas, apesar das lembranças semelhantes do mundo mágico, decidem que todos sonharam com isso.

Deixe uma resposta