D no Shokutaku (Saturn)

D no Shokutaku (Saturn)
D no Shokutaku (Saturn)

D no Shokutaku Saturno

Antes de trocar o CD, salve o estado no arquivo, próximo CD, não carregue o arquivo de estado salvo, não reinicie o emulador, o jogo continuará automaticamente, salve o estado no arquivo novamente.
Gênero: Aventura
Perspectiva: 1ª pessoa
Jogabilidade: resolução de quebra-cabeças, Quick Time Events (QTEs)
Narrativa: Terror
Publicado por: Acclaim Entertainment
Desenvolvido por: Warp Inc
Lançado: 1996
Platforms: SEGA Saturn, 3DO Interactive Multiplayer, DOS
Este jogo é o primeiro da série D e um dos primeiros, lançado por esta empresa. Contém cenas de violência e canibalismo. A jogabilidade foi implementada usando CGI e FMV; o personagem é controlado desde a primeira pessoa. Também em D apareceu pela primeira vez a protagonista Laura, que é a principal heroína dos jogos Enemy Zero e D2.

Enredo

O jogo começa com o fato de uma garota chamada Laura Harris receber uma ligação da polícia de Los Angeles. Ela é informada de que seu pai, Dr. Richter Harris, cometeu um massacre e se barricou no hospital. Laura vai ao local do crime, na esperança de encontrar uma explicação para tal ato de um médico reverenciado. A polícia pede que ela entre e descubra o que há de errado. No entanto, quando Laura entra, ela fecha os olhos e, ao abri-los, descobre que o hospital se transformou em uma antiga mansão.
Laura examina a mansão; periodicamente ela é visitada por visões de como sua mãe está sendo morta com uma faca. O pai de Laura (em forma de espírito) pede que ela deixe este lugar – ficar nele por muito tempo significa ficar na mansão para sempre. Ele diz que em breve se tornará um monstro sem alma que tentará matá-la. No entanto, Laura continua a procurar seu pai, que está selado no quarto superior. Como resultado, o pai descobre para ela o segredo: sua família foi fundada por Drácula, e em cada descendente reside a sede de carne humana. Laura matou e comeu sua mãe há muitos anos, mas esse incidente foi apagado de sua memória por seu pai. Enquanto o Dr. Harris começa a se transformar em um vampiro, Laura deve fazer uma escolha: matar ou ser morta. Existem quatro finais possíveis, dependendo das ações do jogador:
  • Tempo acabou. Se o jogador não conseguir terminar o jogo em 2 horas, o caminho para o mundo real será fechado. Uma mensagem aparecerá na tela: “Chegou a sua hora. Por favor, tente novamente.”
  • Final ruim. Se o jogador se aproximar do pai de Laura e não matá-lo, a tela escurece gradualmente e os títulos começam. Ao fundo, você pode ouvir o pai comendo Laura.
  • Um bom final. Se Laura atirar em seu pai com o revólver que encontrou antes, ele morrerá e a transformação será interrompida. Laura abraça seu pai moribundo. Ele admite que não impediu a transformação por curiosidade científica e agradece à filha por fazer isso por ele. Após a morte do médico, a realidade criada por sua mente desaparece e Laura aparece novamente no hospital. Após os créditos, aparecerá uma mensagem informando que o jogador pode tentar passar pelo jogo novamente para encontrar as cenas perdidas.
  • O melhor (100%) final. Conforme o jogo avança, o jogador encontra os escaravelhos em vários lugares. Se todos forem recolhidos, então nos créditos finais também será ouvido o choro da criança (com um final “bom”).

Deixe uma resposta